quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Jay-Z – Unplugged MTV

O rap feito nos Estados Unidos é bem diferente do criado no Brasil. Os elementos musicais próprios influenciam de forma drástica as composições de cada lugar. Da mesma forma como os CDs “normais” de cada safra tem suas características, isso se repete em especiais como este “Unplugged MTV”, 2001, de Jay-Z, que nada tem a ver com o “Acústico MTV”, 2004, de Marcelo D2.

Enquanto o brasileiro praticamente transformou seu rap em samba, Jay-Z manteve o ritmo black com a colaboração da banda The Roots, que toca rap com percussão, bateria, guitarra, teclado e baixo. Então, a transformação não foi tão traumática, já que os músicos em questão estão acostumados a esse tipo de som.

Jay-Z tocou alguns de seus sucessos e suas músicas que mais combinavam com a ousada intenção. O álbum começa em bom astral com “Izzo (H.O.V.A.)”, composta em cima de “I Want You Back”, dos Jacksons 5, antigo grupo de Michael Jackson, quando ele ainda era uma pequena criança.

“Takeover” tem uma aura mais grandiosa com o som de “Five to One”, dos The Doors, e “Sound Of Da Police”, do rapper KRS One. Jay-Z não foge a um tema muito comum no rap americano, mulheres, em “Girls, Girls, Girls”, que tem em sua melodia a canção “I Love You More and More Every Time”, de Tom Brock.

As gírias dos negros americanos estão em “Jigga What, Jigga Who”, cujo título original era “Nigga What, Nigga Who”. Um dos maiores sucessos de Jay-Z não ficou de fora deste “Unplugged”: “Big Pimpin’”, lançada originalmente no disco “Vol. 3... Life and Times of S. Carter”, de 1999.

“Heart of the City (Ain’t No Love)” tem uma parte de “Ain’t No Love in the Heart of the City”, da banda de rock Whitesnake. Percebe-se o gingado característico do rap americano em “Can I Get A...”, cujo refrão original era “Can I get a fuck you”, mas foi amenizada para tocar nas rádios e ficou “Can I get a what what”.

O maior sucesso de Jay-Z entra sem pausa: “Hard Knock Life (The Ghetto Anthem)”, do álbum “Vol. 2... Hard Knock Life”, de 1998. Este disco chegou ao número 1 entre os mais vendidos, e contém ainda as faixas “Nigga What, Nigga Who” e “Can I Get A...”. O rapper toca seu maior hit somente por um minuto e dá espaço para “Ain’t No”, com sample de “Seven Minutes of Funk”, de The Whole Darn Family, e “Ain’t No Woman (Like The One I Got)”, de The Four Tops.

A participação especial da cantora Mary J. Blidge começa em “Ain’t No”, mas ganha mais força em “Can’t Knock The Hustle”, com partes de “Fool’s Paradise”, de Marcus Miller, e “Much Too Much”, de Meli’sa Morgan. Nesta faixa ainda, Mary canta um pedacinho de sua composição própria “Family Affair”.

A mais bela canção deste acústico rapper é a quase balada “Song Cry”, que pega parte de “Sounds Like A Love Song”, de Bobby Glenn. Essa música fala de um antigo relacionamento de Jay-Z, de uma namorada que o ajudou bastante antes de ficar famoso e depois ele a enganou. Parece que há um remorso no ar.

Após uma faixa mais down, ele levanta o clima com “Just Wanna Love U (Give It 2 Me)”, com participação especial de Pharrell, que já gravou com vários grandes nomes como Madonna, Britney Spears, Mariah Carey e Snoop Dogg, mas não consegue fazer sucesso sozinho. Esta música contém “Give It To Me”, gravada por Rick James, e “I wish”, de Carl Thomas.

Para fechar o público canta com Jay-Z “Jigga That Nigga”. No encarte do CD, a palavra Nigga ficou como “N....”, como se fosse um palavrão. Isso é um costume nos Estados Unidos, incluindo o selo de aviso de conteúdo explícito na capa para qualquer disco que contenha palavrões. Após a última faixa, quem esperar um pouco vai escutar a canção “People Talking” em versão de estúdio.

Disco de rap é assim: várias faixas com um monte de citações de músicas desconhecidas e/ou esquecidas. Para quem tem tempo, vale a pena brincar de procurar cada sample e conferir de onde saiu tudo isso. É uma bela de uma salada.


Músicas de “Unplugged MTV Jay-Z”

1. "Izzo (H.O.V.A.)"
2. "Takeover"
3. "Girls, Girls, Girls"
4. "Jigga What, Jigga Who"
5. "Big Pimpin'"
6. "Heart of the City (Ain't No Love)"
7. "Can I Get A..."
8. "Hard Knock Life (Ghetto Anthem)"
9. "Ain't No Nigga"
10. "Can't Knock the Hustle/Family Affair" (featuring Mary J. Blige)
11. "Song Cry"
12. "I Just Wanna Love U (Give It 2 Me)" (featuring Pharrell)
13. "Jigga That Nigga"/"People Talking"

Um comentário:

Fernanda disse...


Te Amo e estarei contigo sempre e para sempre!!
Beijos, Fer

Destaques

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...